História da Residência Artística de Francine e Katinka

Duas amigas holandesas, a primeira escritora e ilustradora de livros infantis, ambas à procura de “escapar” à agitação do período natalício, ao encontro de um ambiente calmo e tranquilo e de uma experiência em torno da tecelagem. A experiência que Francine pretendia leve e pontual, por entre a escrita e o desenho, revelou-se intensa e apaixonante, quase obsessiva, deixando a escrita e o desenho para outro momento. Da tecelagem para a fiação, da fiação para a tecelagem, apenas intervaladas por breves passeios até à vila e pelo campo em volta, o tempo quase não chegou para tanto desejo de descobertas. Katinka chegou leve e descontraída, sem nenhuma expectativa, e entregou-se com um olhar juvenil de felicidade, à descoberta e à experimentação. A Isabel, atenta mas discreta, ensinando, orientando aqui e ali, deixando a vontade e a criatividade de cada uma acontecer e fluir.